Um piloto precisou pousar um avião de pequeno porte em uma movimentada rodovia depois que seu motor falhou em pleno voo. Ele orou durante o procedimento de emergência, pedindo que Deus o ajudasse com a manobra.

A rodovia Ohio Turnpike foi a alternativa que Andrew Hosford, 21 anos, encontrou para pousar o avião Cessna 150, um monomotor de propriedade de seu pai, depois que o motor começou a falhar, já que o aeroporto de destino estava a alguns minutos de distância.

O pouso de emergência, que poderia ter sido um grave acidente, aconteceu na última sexta-feira, 11 de dezembro. Para Andrew, conseguir pousar o avião sem se machucar ou danificar o avião foi “um verdadeiro milagre”.

“Eu não tive muita distância de planeio ou tempo de reação antes de pousar o avião”, disse Andrew à emissora WTOL. Ele havia decolado na pista de uma universidade no sudoeste do estado de Michigan (EUA) em direção ao aeroporto Toledo Express.

Voando a 1.500 pés (que equivale a 457 metros de altura), o jovem piloto tinha segundos para tomar a melhor decisão para tentar seu pouso de emergência. E a primeira escolha de Andrew foi clamar a Deus: “Em uma fração de segundo, quando meu motor começou a engasgar, fiz um rápido momento de oração”, contou.

Ao olhar ao seu redor, viu um campo arado para o plantio, que serviria para um pouso sem causar danos a terceiros, mas não seria ideal para que ele corresse menos riscos de se machucar. Pouco depois, ele viu a rodovia Ohio Turnpike, a uma distância segura.

“Foi um verdadeiro milagre porque olhei para as imagens de satélite ao redor e havia apenas campos por toda parte. Você pode pousar em campos, mas a taxa de sobrevivência é menor do que uma superfície dura semelhante a uma pista”, explicou.

Andrew Hosford voa há quase um ano, e não se feriu no episódio, assim como o avião mal se arranhou. Agora, ele quer trabalhar em gratidão a Deus por livra-lo da morte: “Esta é uma oportunidade para te engrandecer, Senhor. Por favor, faça um milagre em minha vida”, disse o jovem piloto em sua breve oração.

Ele inclusive já decidiu que irá contribuir como piloto para um programa missionário chamado Miracle Air, que transporta material de ajuda humanitária a pessoas pobres na América Central: “Nos próximos meses, estou programado para ir à Nicarágua para ser um piloto de missão humanitária. Fazer algumas evacuações de pacientes”, detalhou.





Gospel Mais

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here